Cobra Kai – A união faz a força e uma série de primeira!

Cobra Kai – A união faz a força e uma série de primeira!

A continuação do consagrado Karatê Kid já vinha marcando território com seu início no YouTube. Para quem achou que a peteca iria cair pela produção agora estar sob domínio da Netflix, ACHOU ERRADO! A terceira temporada de Cobra Kai veio com tudo, então fique ligado no que achamos!

Crítica sem spoilers!

Apesar de ser uma temporada que já vinha encoberta de indefinições, os roteiristas estão de parabéns por mais uma vez amarrar todos os nós. Além disso, eles também conseguiram criar novas expectativas para a quarta temporada, sem deixar baixar o nível na qualidade do que entregar!

O ponto alto da terceira temporada foi entrar de cabeça nos flashbacks dados pela série e conhecer um pouco mais sobre a motivação dos “vilões”, ou seja, o que eles passaram para se tornarem o que são atualmente.

Podemos afirmar que Cobra Kai é uma obra que desperta diversos sentimentos nos espectadores, inclusive a famosa nostalgia, por relembrar cenas e personagens lá da sequência dos filmes. Isso é algo bastante explorado nessa temporada, diga-se de passagem. Relaxa, não vamos dar spoilers por enquanto, quando formos, vamos avisar!

Outro conceito que vale a pena prestar atenção é a inserção de diversos passos da jornada do herói no decorrer da história. A chamada para a aventura, o encontro com o mentor, a recusa do chamado e a reviravolta são passados de forma didática e natural para nós espectadores. Isso é a cereja do bolo!

Um ponto negativo são os clichês explorados em algumas tomadas de decisão, que deixam a história um pouco previsível. Mas um pouco de previsibilidade não faz mal a ninguém, não é mesmo? No entanto, tiramos alguns décimos da nota por esse fator.

No final das contas, a conclusão para tudo que falamos é: assista essa série, porque você não vai se arrepender! Se quiser continuar com uma análise mais detalhada, desça aqui mesmo na matéria, mas cuidado, porque lá tem alguns spoilers!

Nota: 9,5

Curtiu? Siga a gente no instagram: @maratonando_pop

ATENÇÃO! À partir desse ponto você vai ter alguns spoilers então se ainda não assistiu à terceira temporada da série, assista e depois leia!

E agora?

Todos ficamos em dúvida sobre o proceder dos acontecimentos após as lutas dentro da escola. Além disso, outras questionamentos pairavam sobre as nossas cabeças, como:

  • O que vai acontecer com o Miguel?
  • Como vai ficar o karatê depois do ocorrido?
  • E os romances? Quem vai ficar com quem?
  • O que Kreese vai fazer para se aproveitar de toda essa história?
  • E o principal, agora que o inimigo em comum é o dojô Cobra Kai, como Johnny Lawrence e Daniel Larusso vão agir?

Fica com a gente até o final que vamos explicar ponto a ponto e muito mais!

Miguel Diaz, um grande lutador e grande personagem

Começando por Miguel

Que sensibilidade da Netflix em relação as cenas que simbolizam a luta do nosso protagonista contra o coma em que vive. Encenar ele fazendo o que mais gosta, que é lutar karatê, para demonstrar todos os obstáculos que ele teve que vencer internamente para se recuperar, foi um golpe de mestre! A construção do personagem após isso foi uma reabilitação de suas funções motoras, novamente tendo seu caminho guiado pelo mestre Johnny Lawrance. A relação entre os dois, que começa turbulenta, se estreita em cada tomada de decisão do roteiro e só demonstra o quanto ainda tem a crescer.

Daniel Larusso e a sua reviravolta

Vencendo dificuldades

Daniel Larusso pela primeira estava passando por dificuldades em seu negócio automotivo e precisou, tanto de sua esposa, quanto de ensinamentos trazidos por antigos amigos para se recuperar. É fantástico como a produção trouxe o passado para o presente de forma fluida, sempre mantendo o espectador ciente da linha temporal através de flashbacks. O que aconteceu no passado, ficou no passado e partindo desse pensamento que o antigo rival, Chozen, ensinou a Daniel San reflexões para ele superar seus problemas. Não podemos deixar de citar Kumiko, o antigo amor do protagonista, que foi mentora e o elo entre o passado, o presente e o futuro.

Johnny Lawrence vencendo seus fantasmas

Johnny Lawrence e as Presas de Águia

Além de Miguel, um outro personagem que teve que vencer seus próprios fantasmas para se reerguer foi Johnny Lawrance. O cara apanha de todos, mas o principal adversário que ele tem que enfrente, é ele mesmo. A jornada do personagem para voltar a vitória é completa e engraçada e cada acontecimento em sua vida, reflete em uma conquista. Tem o reencontro com o seu amor do passado Ali, gerando a certeza do seu amor presente Carmen. Tem o reencontro com o seu mestre Kreese, que o leva a criar um novo dojô, as Presas de Águia. E por fim, tem a sua busca por redenção com seu filho Robby, que o leva a querer ser a melhor pessoa possível com Miguel, mas não abdicando a tentativa de trazer seu filho de sangue para perto.

O karatê sendo karatê

A reviravolta do karatê

Como culpar as pessoas pelos seus atos é algo complexo a se fazer, por que não culpar o instrumento que as levou a cometerem os atos? É isso que acontece! O karatê foi responsabilizado por todos os crimes cometidos pelos alunos e proibido de ser usado na escola. Até mesmo o campeonato regional cancelado… Mas isso obviamente não iria ficar barato. Com um discurso marcante de Miguel e Samantha, os juízes da região se convenceram de que era necessário realizar a competição e também abriram portas para o argumento da próxima temporada! Afinal, o que seria dessa série sem o karatê, não é mesmo?

Miguel e Samantha, que casalzão!

Quem vai ficar com quem?

O pretexto de conseguir a permissão para ter o campeonato regional, abriu espaço para reaproximação do nosso casalzão Miguel e Samantha. Apesar de já estarem se reaproximando, por Miguel não compactuar com diversas atitudes tomadas pelos Cobra Kai, foi no discurso dos dois no julgamento que a chama se reacendeu. Quem não gostou nada disso foi Robby, que depois de ser solto, pegou os dois no Miyagi Do no maior romance. Esse quadrangular amoroso entre Miguel, Samantha, Tory e Robby, ainda vai dar muito o que falar!

Kreese, o ponto principal da temporada

Conhecendo os vilões

Um dos grandes pontos que não havia sido explorado eram os vilões e perguntas básicas sobre eles. Quem são e por que agem dessa forma? Esse pra gente foi o ápice dessa temporada, como dito anteriormente. Kreese foi o real protagonista da terceira temporada de Cobra Kai. Descobrimos o passado turbulento dele no exército, onde conheceu uma das figuras asquerosas e no meio da guerra também sofreu com a perda do amor da vida dele. Sendo submetido a um ambiente tão chocante, onde a piedade e a compaixão não tem vez, ele se tornou um dos maiores vilões de séries televisivas!

O que esperar da próxima temporada de Cobra Kai?

O que esperar da próxima temporada?

Com certeza vamos nos surpreender, como é usual no desenrolar da série, mas o que podemos esperar é a volta de um dos antigos vilões para se aliar a Kreese. Trata-se de seu amigo Terry Silver, interpretado em Karatê Kid 3 por Thomas Ian Griffith.

Outro fato esperado é que o torneio regional vai ser um divisor de águas entre os dojôs e possivelmente a consagração de que o inimigo do meu inimigo é meu amigo!

Então fiquem atentos que a próxima temporada vem com tudo e mantenham-se ligados aqui na página para acompanhar todas as novidades do universo audiovisual popular!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *